Giro do Vale / Cotidiano

 

Você tem se sentido ansioso na hora de dormir?

É muito bom deitar na cama e conseguir relaxar, esvaziar a cabeça e descansar. Entretanto, a realidade de muitos é totalmente oposta, quando chega a noite, bate a ansiedade, a cabeça não desliga, é um turbilhão de pensamentos, a respiração fica acelerada, deita e não consegue pregar o olho, levanta, deita de novo. E mesmo com a exaustão, o sono, que é bom, passa longe. Alguns casos são ainda mais difíceis, a ansiedade é tanta que chega a faltar o ar, acontecem crises de pânico e a hora de dormir passa a ser um momento de tensão, medo e sofrimento. Se você está passando por isso, você tem sofrido de ansiedade noturna.

Os sintomas mais comuns desse tipo de ansiedade são: pensamento acelerado, respiração intensa, cansaço, fadiga, inquietação, necessidade de se levantar, idas e vindas na cozinha, sensação de urgência, sono interrompido várias vezes e dores de cabeça constantes. Tudo isso acontece porque a ansiedade é o retrato do excesso de preocupações e alto nível de estresse, comumente ligados a problemas emocionais, seja em relação ao trabalho ou família. E a ansiedade noturna é a intensificação de todos os sintomas justo no momento em que deveríamos relaxar. Na maioria das vezes você fica tão sobrecarregado com as tarefas do dia, que não repara na sua ansiedade, mas ela está ali. À noite, quando você não tem as distrações da rotina, a ansiedade toma conta e você não sabe o que fazer. É um ciclo desgastante, pois ao não conseguir descansar, você inicia o dia seguinte esgotado, seu desempenho no trabalho cai, isso traz preocupação com os prazos e resultados, logo você fica mais estressado. Quando chegar a noite, as preocupações te deixarão mais ansioso e novamente você não conseguirá dormir. Acredito que você já deve ter percebido isso acontecendo.

Além do estresse e do excesso de preocupações, a ansiedade também pode estar relacionada à depressão, o que intensifica os pensamentos negativos em relação aos problemas. A alimentação inadequada é outro fator, como o excesso de gordura e cafeína, e a alimentação feita muito tarde, exigindo esforço do organismo para fazer a digestão, quando na verdade deveria estar em estado de relaxamento. Ainda cabe mencionar a própria falta de rotina do sono, como assistir tv até mais tarde, dormir com a tv ligada, usar o celular quando já está na cama, dentre outras situações.

O que eu tenho para te dizer é que é possível combater a ansiedade seguindo algumas orientações de mudança de hábitos, mas também é imprescindível que você procure ajuda. Confira abaixo algumas dicas que você pode colocar em prática.

  • Evite comer demais antes de dormir;
  • Mantenha seus horários constantes, procure dormir sempre no mesmo horário;
  • Crie uma atmosfera agradável, baixe a luz, tenha um travesseiro confortável;
  • Use a cama para dormir, não a use para trabalhar ou assistir tv;
  • Pratique exercícios, inclusive exercícios de relaxamento;
  • Treine a respiração profunda e mentalize imagens de tranquilidade;
  • Ocupe sua mente com coisas positivas, ouça uma música, leia um livro;
  • Evite pensar em preocupações, lembre-se que na hora de dormir você não conseguirá resolver nada, deixe os problemas para o dia seguinte;

Vale ressaltar: NÃO SUBESTIME A ANSIEDADE! Ela é difícil de lidar e provavelmente você não dará conta sozinho, principalmente se a situação for extrema, como casos de pânico. Quanto mais você demorar para buscar ajuda, pior ficará. Procure um psicólogo, médico ou psiquiatra e faça o tratamento orientado.

Ainda não há comentários

Envie-nos o seu comentário

Publicidade

Últimas Notícias

Neste período, apenas a cidade de Novo Tiradentes não registrou mortes por conta da doença

O suspeito tem 29 anos e estava com mandado de prisão preventiva expedido

Temperaturas ficam agradáveis ao longo de todo o dia

Produtos estavam armazenados de forma irregular e fora da temperatura adequada, com prazos de validade vencidos ou sem prazos de validade, sem identificação e procedência, além de higiene precária