Giro do Vale

Giro do Vale

terça-feira, 25 de junho de 2024

BM de Estrela desarticula quadrilha suspeita de assaltos na região

Foto: Divulgação / BM

Foto: Divulgação / BM

A Brigada Militar de Estrela desarticulou uma quadrilha, ou pelo menos parte dela, suspeita de roubos que ocorreram na região. Após denuncias e movimentações suspeitas, por volta das 19h de ontem (23) o policiamento fez a abordagem de dois veículos em um sítio localizado na rua João Lino Braun, no bairro Boa União. No local foram presos dois homens, André Armando Immich (34) morador do bairro Montanha em Lajeado e Evandro André Kochenborger (34) residente no bairro Conservas, este constava foragido. Durante o procedimento, chegou no local um automóvel Áudi de cor branca com pelo menos dois indivíduos.

Ao deparar com a guarnição iniciou uma troca de tiros, conseguindo os bandidos fugir do local, não sendo mais vistos. Nenhum militar foi atingido. Na propriedade foram encontrados três veículo em situação irregular, um Polo prata, uma Ecosport branca e um Fiesta branco. Todos os carros com placas alteradas e em situação de furto ou roubo. Também foi apreendida uma espingarda calibre 12, munições do mesmo calibre, munições .40, .45 e 9mm, colete balístico, miguelitos, além de outros materiais utilizados nas ações criminosas como rádios comunicadores, bloqueador de GPS e ferramentas para arrombamento. A suspeita é de que os criminosos vinham agindo principalmente no roubo a residências e a cargas. Kochenborger seria o mentor das ações.

A dupla foi encaminhada à Delegacia de Policia de Pronto Atendimento de Lajeado e autuada em flagrante por receptação e posse irregular de arma de fogo. Após recolhida ao Presídio. Nesta semana o policiamento de Estrela já havia preso um indivíduo, no mesmo bairro. Em sua residência foi encontrada arma de fogo e um Vectra branco roubado em Bento Gonçalves. O criminoso seria componente da mesma quadrilha. As investigações seguem no intuito de identificar outros integrantes do bando.

 

Grupo Independente

Compartilhe:

Ainda não há comentários

Os comentários estão fechados no momento.

Leia também