Giro do Vale

Giro do Vale

terça-feira, 18 de junho de 2024

MP deflagra 8ª fase da Leite Compen$ado no Norte do RS

Devem ser cumpridos nesta quarta-feira seis mandados de prisão preventiva, três cautelares e oito mandados de busca e apreensão nas cidades de Campinas do Sul, Jacutinga e Quatro Irmãos, região Norte do Rio Grande do Sul. Também há ordem judicial para apreensão de quatro caminhões. De acordo com a polícia, 39 laudos elaborados pelos laboratórios da Univates e da Alac apontaram que houve fraude pela adição de água ao leite cru refrigerados e entregues pela Transportes Odair Ltda. e recebido pela Cooperativa de Pequenos Agropecuaristas de Campinas do Sul (Coopasul). Também foi detectada alteração na densidade do leite (por adição de produtos como sal, açúcar ou amido de milho, por exemplo), acidez elevada (que indica a deterioração por microorganismos) e adição de soro de leite.

A oitava fase da operação Leite Compen$ado investigou um casal proprietário da Transportadora Odair Ltda., três motoristas da empresa, que participavam ativamente da adulteração, um responsável pelo laboratório da Coopasul, bem como o próprio o Presidente da Cooperativa, que recebia as cargas de leite adulterado e as dava destinação final, a partir da diluição de leite velho com o leite bom.

Além disso, as investigações mostraram que o transportador lançou na conta de uma produtora rural até o triplo do leite coletado, o que “disfarçaria” o aumento no volume do leite a partir da adição de água. Foi indicado, inclusive, um escritório de contabilidade para regulamentar o imposto de renda da produtora.

A ação é das promotorias de Justiça Especializada Criminal, de Defesa do Consumidor e de Combate aos Crimes Contra a Ordem Tributária, além do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e da Receita Estadual. Os trabalhos são realizados com apoio da Brigada Militar (BM).

 

Correio do Povo

 

Compartilhe:

Ainda não há comentários

Os comentários estão fechados no momento.

Leia também