Giro do Vale

Giro do Vale

quinta-feira, 13 de junho de 2024

Roger estreia no comando do Grêmio contra o Goiás

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Em pouco mais de 24 horas, Roger deixou a lista de sugestões para assumir o posto deixado por Luiz Felipe Scolari. Na terça-feira, pouco depois do meio-dia, assinava o contrato até o fim do ano e à tarde já estava vestindo novamente o abrigo do clube no CT Luiz Carvalho. Vai para a sua terceira passagem pelo Grêmio. Sem dúvida, agora com a maior responsabilidade. Chegou a hora da estreia, diante do Goiás, às 16h, no Serra Dourada.

O ex-lateral Roger conhece como poucos o Tricolor. Passou quase metade da sua vida convivendo diariamente com o Olímpico ou a Arena no seu primeiro ano de vida. Foram 13 anos desde as categorias de base até a sua última temporada como jogador em 2003. Depois mais dois como auxiliar técnico. Com a camisa gremista, conquistou as maiores glórias da carreira.

Ele está entre os atletas mais vitoriosos da história do Grêmio. Foram 11 taças em dez temporadas como profissional. A Libertadores de 1995 é o principal troféu, acompanhado do Campeonato Brasileiro de 1996, do tri da Copa do Brasil em 1994, 1997 e 2001 — o segundo com direito a um cruzamento seu para o gol decisivo de Carlos Miguel contra o Flamengo, no Maracanã —, a Recopa de 1996. Além disso, ainda foi campeão quatro vezes do Gauchão.

Por isso, com tamanha bagagem, disse ter o DNA do clube. A sua missão é de recolocar o Grêmio nos trilhos novamente após o abalo sentido com a derrota na final do Estadual para o Inter. A condição de ídolo lhe garante um pouco mais de paciência, porém Roger Machado sabe que será exigido como outro qualquer. “O torcedor ficou muito feliz com o meu retorno, mas sei que vou ser cobrado por resultados”, disse na sua apresentação oficial na terça-feira.
Ter intensidade foi a ordem mais exigida ao longo da semana.

Na equipe, o treinador não deve efetuar nenhuma grande mudança na equipe, embora a escalação ainda não esteja confirmada. A base defensiva é a mesma que vinha sendo utilizada. A grande alteração pode ser a presença de Fellipe Bastos para reforçar a marcação no meio-campo.

Campeonato Brasileiro – 4ª Rodada

GOIÁS
Renan; Everton, Felipe Macedo, Alex Alves, Rafael Forster; Patrick, Rodrigo, Péricles, Arthur; Erik e Wesley. Técnico: Hélio dos Anjos

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Galhardo, Geromel, Rhodolfo, M. Oliveira; Walace, Maicon, Giuliano, Pedro Rocha; Luan e Yuri Mamute. Técnico: Roger Machado

Árbitro:
Anderson Daronco, Rafael da Silva Alves e Cristhian Passos Sorence.
Local:
Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Hora: 16h

 

Correio do Povo

 

Compartilhe:

Ainda não há comentários

Os comentários estão fechados no momento.

Leia também