Giro do Vale

Giro do Vale

sábado, 20 de julho de 2024

Inter vence o Delfín e avança na Sul-Americana

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

O Inter venceu o Delfín por 1 a 0 na noite deste sábado com gol de Alario. Com o resultado, a equipe gaúcha avança para os playoffs da competição e pega o Rosario Central na próxima fase. A partida foi no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

O Colorado teve domínio da partida durante todo o tempo e criou chance de gol no primeiro minuto de jogo, com Alan Patrick. Na primeira etapa, a equipe teve a posse de bola e criou diversas oportunidades, sem conseguir marcar.

Alario marcou o gol da partida aos 23 minutos da segunda etapa. Wesley cobrou escanteio no segundo pau , Vitão escorou de cabeça e Alario finalizou. O Delfín reagiu e chegou a criar chances de empatar, mas parou em Fabrício.

Pressão colorada desde o começo

O Inter começou o jogo pressionando. No primeiro minuto, em uma bela jogada, Alan Patrick ficou na cara do gol e finalizou, mas o goleiro Heras brilhou. Aos onze minutos, o goleiro salvou o Delfín mais uma vez, em chute de Wesley, após belo passe de Alan Patrick.

Aos onze, Wesley recebeu de Alan Patrick e tocou de primeira na saída do goleiro Heras, que fechou o gol. O goleiro salvou ainda mais uma, aos 17, em cruzamento de Alan Patrick com desvio de Fernando.

Durante todo o primeiro tempo, o Inter teve a posse de bola e quase todos seus jogadores no campo de ataque, mesmo criando diversas chances, o clube não conseguiu abrir o placar. O time insistiu em cruzamentos na área, sem sucesso.

O primeiro tempo foi marcado ainda pela reclamação e pedido de pênaltis pelas duas equipes. O Inter pediu pênalti sobre Aránguiz aos 26. Em seguida, foram os equatorianos que reclamaram de um lance. No fim do jogo, o árbitro foi ao VAR revisar um possível pênalti sobre Bruno Henrique. Ele foi atingido dentro da área, mas estava impedido.

Alario faz o gol da classificação

Na segunda etapa, o Delfín participou mais da partida, mas o domínio seguiu sendo colorado. O Inter apresentou as mesma dificuldades da primeira etapa, com muita posse de bola, criando chances, mas sem marcar. Com dificuldade de penetrar na defesa adversária, o Inter insistiu nos cruzamentos

Aos 23 minutos, Alario abriu o placar. Wesley cobrou escanteio no segundo pau, Vitão escorou de cabeça para o meio e Alario finalizou de primeira.

O Delfín passou a correr atrás do resultado, adiantando a marcação e buscando o ataque. Mas o Inter manteve o domínio da partida. Na reta final, a equipe equatoriana criou algumas chances, mas parou em Fabrício. Com o resultado, o Inter pega o Rosario Central na próxima fase.

Copa Sul-Americana – 6ª rodada – Grupo C

Internacional 1

Fabrício; Hugo Mallo (Bustos), Vitão, Robert Renan e Renê; Fernando, Charles Aránguiz (Lucca), Bruno Henrique (Wanderson) e Wesley (Thiago Maia); Alan Patrick e Lucas Alario (Igor Gomes). Técnico: Eduardo Coudet.

Delfín-EQU 0

Brian Heras; Josue Cuero, Nicolas Goitea, Ignacio Gariglio e Juan Manuel Elordi; Jean Carlos Humanante, Maikel Reyes, Marcos Mejia e Alan Miño (Tejena); Nicolas Messiniti (Herrera) e Angulo. Técnico: Juan Pablo Buch.

Gols: Alario, aos 23’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Wanderson e Thiago Maia (I). Miño e Goitea (D).

Arbitragem: Felipe González, auxiliado por Alejandro Molina e Gabriel Ureta. Quarto Árbitro: Francisco Gilbabert. VAR: José Cabero.

Data e hora: 8 de junho, sábado, às 21h30

Local: Estádio Alfredo Jaconi, Caxias do Sul (RS)

 

Correio do Povo
Compartilhe:

Ainda não há comentários

Os comentários estão fechados no momento.

Leia também