Giro do Vale / Estado / Política

Bombeiro morre após cair de caminhão em Rio Pardo

Sargento bateu a cabeça durante a queda e sofreu traumatismo craniano.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Um bombeiro morreu em um acidente de trabalho, na tarde desta sexta-feira, em Rio Pardo. De acordo com comandante dos bombeiros, tenente Dimas Gottardo, o terceiro-sargento Gerson Luiz Klafke, de 49 anos, estava em seu horário de serviço e teria subido em um caminhão e por algum motivo tombou de cima do mesmo. “Não sabemos se ele tropeçou ou passou mal. Só sabemos que caiu”, contou o comandante.

O sargento bateu a cabeça durante a queda e sofreu traumatismo craniano. Logo após o incidente, os colegas acionaram uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O bombeiro foi socorrido e encaminhado ao hospital, mas não resistiu. Na função desde 1991, o sargento Klafke já poderia ter se aposentando. Mas, conforme Gottardo, o colega amava a profissão.

Atualmente, o bombeiro era motorista do caminhão, mas atuava em diferentes funções durante o atendimento das ocorrências. “Ele fazia o que fosse preciso. Amava o que fazia. Foi salva-vidas por 20 anos, mas agora queria ficar mais perto da família”, disse Gottardo.

O comandante, que estava em Tramandaí devido ao treinamento para a Operação Golfinho, retornou ao município para acompanhar o caso. Klafke residia em Rio Pardo, era casado com uma professora e pai de duas filhas.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Foto: Divulgação

Região pode ter máxima de 32°C

Foto: Divulgação / PRF

Ainda foram encontrados R$ 15 mil em dinheiro, sem comprovação de procedência.

Foto: Divulgação

Atleta de Lajeado afirma ter sido chamado de macaco pela mãe de um dos jogadores do time adversário.

Foto: Divulgação

Relógios devem ser adiantados em uma hora a partir do dia 15 de outubro nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.