Giro do Vale / Lajeado / Polícia

É preso em Lajeado o suspeito de esfaquear ex-companheira

Segundo o delegado responsável pelo caso, o suspeito foi ouvido e teria confessado a autoria do crime.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foi preso na tarde desta segunda-feira, dia 16, no bairro Santo André, em Lajeado, o principal suspeito de uma tentativa de feminicídio ocorrido na última sexta-feira, dia 13, no bairro São Cristóvão. Astor Geraldo Drecksler (52), acompanhado por um advogado, se entregou à Polícia Civil, em sua residência, localizada na rua Gonçalves Dias.

O homem é apontado por atentar contra a vida da ex-companheira Rosane Fátima Pereira (50). No dia do crime, ela conversava com Drecksler no interior de um automóvel, quando no entroncamento das ruas Bahia com Piauí, o condutor sacou uma faca e desferiu oito golpes na mulher. Rosane foi levada ao Hospital Bruno Born, onde permanece internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O suspeito estava desaparecido desde o dia o crime.

A Polícia Civil já havia solicitado o pedido de prisão preventiva do homem, o qual foi expedido, sendo cumprido. Conforme o delegado José Romaci Reis, que atualmente responde pela Delegacia de Polícia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), o suspeito foi ouvido a respeito dos fatos, tendo confessado a autoria do crime.

Na ocasião, também foram realizadas buscas na residência, no objetivo de encontrar a faca utilizada na ação. Contudo, segundo Dreckseler, a mesma caiu do veículo quando ele fugiu do local do crime, não sendo mais localizada. Após ser apresentado na Delegacia de Polícia, o homem foi recolhido ao sistema prisional de Lajeado.

 

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Time colorado joga pelo empate fora de casa nesta primeira fase.

Uma terceira vítima foi encaminhada ao hospital e não corre risco de morte.

Por motivos desconhecidos um Astra, que seguia em direção a Arroio do Meio, teria invadido a pista contrária e colidido de frente com a Saveiro.

Homem que arremessou objetos para o interior do pátio do presídio, chegou a disparar um tiro contra um policial.