Giro do Vale / Saúde / Taquari

Prefeitura de Taquari anuncia aumento do repasse mensal ao hospital do município

Atrasos em repasses do Estado e União à instituição, motivaram a prefeitura a tomar essa decisão.

Foto: Juliano Bizarro Kern / Divulgação

Foto: Juliano Bizarro Kern / Divulgação

Na quinta-feira, dia 5, após aprovação na Câmara de Vereadores, a Prefeitura de Taquari anunciou o aumento do repasse mensal ao hospital Instituto de Saúde e Educação Vida (Isev). O valor, que era de R$ 200 mil mensais, será de R$ 300 mil nos meses de janeiro e fevereiro e R$ 210 mil nos meses seguintes. A iniciativa se faz necessária devido aos atrasos nos repasses estaduais e federais à instituição. O Governo do Estado já deve mais de R$ 1,5 milhão em repasses atrasados.

De acordo com o prefeito Emanuel Hassen de Jesus, o Maneco, os valores ainda podem ser renegociados em junho devido à situação econômica do país e do Estado. “Estamos fazendo a nossa parte, priorizando a saúde. Precisamos fazer o possível para manter nosso hospital atendendo as mais de três mil pessoas por mês que procuram a instituição. Com certeza esse recurso acarretará dificuldades em outras áreas, mas o momento exige que façamos escolhas”, afirma o prefeito.

Maneco também convocou a comunidade para participar da campanha “Doe Energia. Ajude a manter essa luz acesa.” A iniciativa oferece a possibilidade da comunidade doar espontaneamente ao hospital valores mensais através da conta de luz das empresas RGE Sul e Certaja Energia. Para isso, os interessados devem preencher um formulário de autorização que pode ser encontrado no hospital ou na Prefeitura. A campanha ainda tem uma página no Facebook com mais informações, que pode ser acessada pelo endereço facebook.com/doeenergia.

 

AI Prefeitura

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Ele foi detido por uma guarnição da Brigada Militar (BM) na Estação Rodoviária, no Florestal, onde aguardava um ônibus.

Condutor do veículo que atropelou a vítima, deixou o local sem prestar socorro.

Tempo fica instável, mas sol aparece com nuvens em várias cidades.

Com decisão, ex-presidente seguirá preso para cumprir condenação no caso do triplex.