Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Com força total, Grêmio estreia em casa pela Libertadores contra Deportes Iquique

Bola começa a rolar na Arena a partir das 21h45.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Desde a tão intensamente comemorada conquista da Copa do Brasil, que deu fim à seca de títulos, o torcedor gremista vem esperando por ela. A competição que é a prioridade de todos os times do continente. A chance de expandir o sucesso recente. O sonho do Tri. Quatro meses depois, chegou a hora. O reencontro será na noite desta terça-feira. A Copa Libertadores volta à Arena a partir das 21h45, quando o Grêmio faz, contra o Deportes Iquique, seu primeiro jogo em casa pelo torneio.

Depois da excelente estreia longe de seus domínios, quando venceu o Zamora na Venezuela por 2 a 0, o Grêmio oscilou no Campeonato Gaúcho e na Primeira Liga. Porém, embalou na hora certa e hoje enfrenta os chilenos com a confiança em alta. Para completar, recebe o reforço de um de seus principais jogadores. O capitão Maicon treinou ontem e foi relacionado para a partida, após ter sido desfalque na goleada contra o Veranópolis.

Ainda assim, o mistério continua. A maior parte do treinamento foi realizada com os portões da Arena fechados. No momento em que foi a atividade foi aberta, Maicon estava em campo. Mas foi o seu substituto, Michel, quem foi designado para dar entrevista coletiva, uma prerrogativa usualmente concedida a titulares em véspera de jogos. E o volante tratou de manter a dúvida.

“O Maicon treinou, mas ainda não se sabe quem vai jogar. Está na cabeça do Renato”, afirmou o volante. “Não teve divisão de colete. O Renato fez alguns trabalhos fundamentais, mas não teve formação de time. Se o Maicon não jogar e eu for o escolhido, já sei o que devo fazer”, despistou.

O zagueiro Kannemann, o lateral Marcelo Oliveira e o atacante Pedro Rocha não participaram do treinamento, apenas correram em volta do campo. Porém, não preocupam e estão à disposição para a partida de hoje.

Os jogadores comemoram a boa fase recente e esperam repetir o desempenho na competição continental. “Temos que jogar da forma como jogamos contra o Juventude, contra o Veranópolis. Não podemos mudar essa característica de toque de bola e de ser agressivo na hora certa”, definiu Leo Moura. “Foi importante para o nosso ânimo fazer boas partidas e com placares elásticos. Dá uma tranquilidade maior”, diz Michel. Com três pontos e saldo 2, o Grêmio defende a liderança do Grupo 8 da Libertadores.

Oponente aposta na velocidade

Derrotado na estreia da Libertadores pelo Guaraní do Paraguai, em casa, o Deportes Iquique vive fase inversa no Campeonato Chileno. Com cinco vitórias e quatro empates, está invicto e é o líder isolado da competição nacional, à frente de clubes muito mais tradicionais, como Colo-Colo, Universidad de Chile e Universidad Católica. O jogo no Brasil contra o Grêmio é tido como histórico para o Iquique, que disputa a Libertadores pela segunda vez na história. Sua principal arma para o confronto desta noite é a velocidade no contragolpe. Ao menos é o que espera o Grêmio.

“É um time rápido, que sai bem no contra-ataque. Já sabemos a forma como eles jogam e vamos procurar neutralizar essas jogadas”, garantiu Leo Moura. Apesar de elogiar o adversário, o meia gremista esbanjou otimismo. “Igualando na pegada e na vontade, na técnica vamos nos sobressair”, acredita. “Na frente da torcida temos que ser fortes e buscar os três pontos”.

Copa Libertadores – fase de grupos

Grêmio

Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Ramiro, Maicon (Michel), Leo Moura, Miller Bolaños e Pedro Rocha; Luan. Técnico: Renato Portaluppi.

Deportes Iquique

Naranjo; Hernán López, Zenteno, Tómas Charles e Misael Dávila; Rafael Caroca, M. Riquero, Bustamante e Misael Cubillos; Bielkiewickz e Álvaro Ramos. Técnico: Jaime Vera.

Árbitro: Esteban Ostojich (URU).

Local: Arena.

Início: 21h45min.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Dia ainda começa com sol em alguns pontos e máximas chegam a 35°C

Cristiano Ronaldo, de falta, marcou o gol que deu ao time espanhol o sexto título

Programação ocorrerá no Bairro San Diego a partir das 17h.

Vinte e dois anos depois, o clube gaúcho tem nova chance de reconquistar o planeta.