Giro do Vale / Destaque / Lajeado / Polícia

Homem é preso acusado de usar adolescentes para transporte de drogas e arma em Lajeado

O homem de 26 anos, natural de Canoas, tem passagens por homicídio, tráfico de entorpecentes, roubo e formação de quadrilha.

Foto: Divlgação / PRF

Foto: Divlgação / PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem que usava duas adolescentes para o transporte de drogas e armas na tarde desta quarta-feira, dia 9, na BR-386, em Lajeado.

A abordagem aconteceu durante fiscalização de rotina em um ônibus que fazia linha Foz do Iguaçu/PR – Porto Alegre, em frente ao posto policial, no Bairro Conventos. As duas menores, de 17 anos, e um homem aparentavam nervosismo.

Em revista em uma mochila que estava com as adolescentes, foram encontrados cerca de 2 kg de pasta base de cocaína, uma pistola calibre .45, com três carregadores, e uma pequena quantidade de maconha. A arma possuía um seletor de rajada e um dos carregadores era estendido com capacidade para 30 munições.

Os policiais solicitaram que os três descessem do veículo e, após averiguações, constataram que o homem estava agenciando as duas adolescentes para o transporte da mochila até Porto Alegre. O homem de 26 anos, natural de Canoas, tem passagens por homicídio, tráfico de entorpecentes, roubo e formação de quadrilha.

Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) para a lavratura do flagrante, sendo que deve responder por porte ilegal de arma, corrupção de menores e tráfico de entorpecentes. Ele permanece na cela da DPPA, aguardando decisão judicial. As adolescentes são naturais de São Miguel do Iguaçu-PR. A família e o Conselho Tutelar foram acionados para os procedimentos cabíveis.

 

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

tempo

Com mudança de tempo, marcas não devem passar dos 25°C

Foto: Divulgação

Provas estão previstas para acontecer no dia 23 de dezembro

Imagem: Ilustração

Mais informações podem ser obtidas na prefeitura ou pelo telefone (51) 3766-1255

Foto: Divulgação

Presidente deve aproveitar a internação para passar por avaliação do procedimento urológico a que foi submetido