Giro do Vale / Bom Retiro do Sul / Destaque / Polícia

Cerca de 5 toneladas de alimentos são inutilizados em Força-Tarefa realizada em Bom Retiro do Sul

Três supermercados foram vistoriados durante esta quinta-feira, dia 14.

Foto: Divulgação / MP-RS

Foto: Divulgação / MP-RS

Segundo o Ministério Público do Rio Grande do Sul, nesta quinta-feira, dia 14, três estabelecimentos foram fiscalizados e dois deles acabaram interditados durante operação da Força-Tarefa do Programa Segurança Alimentar em Bom Retiro do Sul. No total, foram inutilizadas cerca de 5 toneladas de alimentos impróprios ao consumo.

Foram vistoriados o Mercado SA, no bairro Goiabeira e o Supermercado Quebom, no Centro, ambos foram interditados pelos agentes. A equipe da FT Segurança Alimentar fiscalizou, ainda, o Supermercado Cauã.

Nos dois primeiros estabelecimentos foram encontrados alimentos com prazo de validade vencido, armazenados de forma irregular, carnes e embutidos fora da temperatura adequada, e muitos locais com dejetos de animais, ratoeiras e embalagens roídas. Também foram registrados diversos problemas de infraestrutura e falta de higienização. Em um dos locais, os fiscais encontraram alimentos armazenados junto com embalagens de soda cáustica.

No Cauã foram recolhidos alguns alimentos que estavam acondicionados de forma incorreta, sem necessidade de interdição.

Participaram da operação o coordenador do Grupo de Atuação especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO – Segurança Alimentar) Alcindo Luz Bastos da Silva Filho, a promotora de Justiça de Estrela Andrea Barros, representantes do Seapi, Vigilância Sanitária Estadual, Vigilância Sanitária Municipal de Bom Retiro, e Polícia Civil através da Delegacia do Consumidor (Decon).

 

Fonte: MP/RS

Comentários

  1. Jairo Martins disse:

    É uma vergonha. Todos só pensam em ganhar dinheiro. Não estão nem aí com nossa saúde. Parabéns pelo belo trabalho dos fiscais,

  2. Cleci silva disse:

    Parabéns pra esses promocionais é lamentável q na minha cidade q amo existe esse tipo d coisa falta d respeito com nós consumidores

  3. angelica quadros disse:

    este tipo de fiscalização e bom mas virem de vez em quando fiscalizar dar uma olhada e instruir as pessoa , os donos porque as vezes eles naõ se conta de que isto esta acontecendo no seu estabelecimento os funcionarios deveriam de alertar os patroes que isto esta acontecendo para que eles olhem e veem para arrumar oque esta errado.
    o certo seria o funcionário de cada setor ver que não esta limpo se não poder limpar peça ajuda mas não deiche isto acontecer, porque ali esta o seu ganha pão. naõ atire pedra ajude a resolver.

  4. Greti Vargas disse:

    Lamentável

Envie-nos o seu comentário

Publicidade

Últimas Notícias

Foto: Divulgação

Região pode ter máxima de 32°C

Foto: Divulgação / PRF

Ainda foram encontrados R$ 15 mil em dinheiro, sem comprovação de procedência.

Foto: Divulgação

Atleta de Lajeado afirma ter sido chamado de macaco pela mãe de um dos jogadores do time adversário.

Foto: Divulgação

Relógios devem ser adiantados em uma hora a partir do dia 15 de outubro nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.