Giro do Vale / Estado / Geral

RS segue com chuva que pode causar transtornos no fim de semana

Os acumulados só deste fim de semana em alguns municípios podem ficar perto ou acima de 100 mm.

Foto: Juliano Beppler da Silva / Giro do Vale

Foto: Juliano Beppler da Silva / Giro do Vale

A atmosfera segue muito instável no Rio Grande do Sul neste sábado, consequência de uma frente semi-estacionária que permanece sobre o Estado. Chove mais uma vez na maioria das regiões. No Oeste, o sol aparece com nuvens e o Sul vai registrar alternância de sol, nuvens e chuva.

A MetSul renova o alerta que neste fim de semana as condições seguem favoráveis à chuva localmente forte a intensa com altos volumes, em especial na Metade Norte, no Centro e em pontos do Leste do Estado. Centro de baixa pressão vai reforçar a instabilidade.

As mínimas rondam os 10°C em São José dos Ausentes e os 11°C em Vacaria. As máximas, por sua vez, podem chegar a 20°C em Uruguaiana.

A manutenção da frente semi-estacionária entre o Centro e o Norte do Rio Grande do Sul sugerem um cenário de muita chuva, com volumes elevados em parte do Estado. As regiões que mais preocupam são o Norte e Nordeste gaúcho, o que inclui a Grande Porto Alegre, Vales e a Serra, que teve uma sexta-feira de muita chuva e nevoeiro.

Os acumulados só deste fim de semana em alguns municípios podem ficar perto ou acima de 100 mm e que se somam ao que já choveu. A possibilidade de transtornos em razão da chuva é alta. Atenção para alagamentos. Em regiões de relevo, como a Serra, alto risco de deslizamentos e quedas de barreiras em rodovias.

A possibilidade que alguns rios com nascentes no Nordeste gaúcho adentrem em cota de cheias é real, logo moradores de áreas ribeirinhas e coordenarias municipais de Defesa Civil devem estar atentos ao quadro em suas respectivas regiões.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Envie-nos o seu comentário

Publicidade

Últimas Notícias

Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Evento que ocorreria domingo, foi transferido para esta quarta-feira, dia 20.

Foto: Alfredo Estrella / AFP / Divulgação

Pelo menos 45 edifícios ficaram totalmente destruídos na capital do país

Foto: Apu Gomes / Divulgação

Tricolor busca vaga nas semifinais da Libertadores a partir das 21h45min

Foto: Divulgação

Uma das vítimas precisou ser transferida para o HPS de Canoas