Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio empata com o Corinthians

Após quatro rodadas no Brasileirão, Tricolor segue sem vitórias e na zona de rebaixamento

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

O Grêmio dominou as ações ofensivas na maior parte do jogo contra o Corinthians, na noite deste sábado, mas não conseguiu marcar e ficou no empate em 0 a 0, no Itaquerão. Com o resultado, após quatro rodadas, os comandados de Renato Portaluppi ainda não venceram no Campeonato Brasileiro. Com dois pontos, a equipe tricolor permanece na zona de rebaixamento, em 17º lugar, mas podendo perder mais posições no decorrer da rodada. Já os paulistas ocupam a oitava posição, com cinco.

O jogo acabou marcado pelo uso do VAR, que fez com que a arbitragem deixasse de anotar um pênalti a favor do Grêmio. Com a bola rolando, Luan criou a melhor oportunidade do Tricolor cobrando falta no primeiro tempo e acertou o poste direito de Cássio.

O Grêmio não terá confrontos durante a semana e o próximo compromisso é contra o Ceará, no domingo, às 19h, no Castelão, em Fortaleza. No mesmo dia, mas às 16h, o Timão vai à Arena da Baixada enfrentar o Athletico.

Grêmio pressiona, tem pênalti a favor, mas VAR faz árbitro mudar de ideia

O jogo começou com os dois times trocando muitos passes para ambos observarem como seria a postura do adversário. Rapidamente, o Grêmio passou a ter o domínio das ações ofensivas e os donos da casa passaram a posicionar 10 jogadores próximos à própria área. Aos 15, Grêmio tinha 64% da posse de bola contra 36% do Timão. Enquanto o Tricolor pressionava, o Corinthians esperava para ter espaços e partir em rápidos contra-ataque, que paravam sempre na linha defensiva.

Em um jogo morno, a primeira conclusão a gol ocorreu aos 35, quando Cleyson cruzou da esquerda, na risca da pequena área, onde Boselli cabeceou e obrigou o goleiro do Grêmio a fazer a ponte e espalmar para o lado. A resposta gremista veio aos 43. Luan cobrou falta da intermediária e a bola foi no poste direito de Cássio, quase na altura do ângulo.

Dois minutos depois, Everton fez jogada pela direita e cruzou. A bola bateu no braço esquerdo de Fagner e Marcelo de Lima Henrique marcou o pênalti, mas, depois de um tempo, requisitou o VAR e anulou a marcação.

Grêmio pressiona, mas para na parede defensiva de Carille

No intervalo, Vagner Love entrou na vaga de Boselli e criou duas oportunidades de gol em três minutos. Nas duas, Paulo Victor impediu a abertura de placar. Aos sete, André fez um corta-luz, a bola ficou para Luan, na meia lua, que bateu, mas Cássio saltou e espalmou para o lado. Aos 16, Thaciano entrou na vaga de Montoya e o Grêmio seguiu com maior posse de bola, pressionando os donos da casa, porém sem criar oportunidades claras.

O Tricolor terminou o jogo com 53% da posse de bola, só que com dois chutes na direção da meta e quatro desviados. Nem mesmo as entradas de Felipe Vizeu e Pepê mudaram a situação do jogo, com o Grêmio atacando, especialmente pelas laterais, e o Corinthians saindo em contra-ataques.

O grupo do Grêmio ganha folga no domingo. A reapresentação está marcado para as 15h30min de segunda-feira no CT presidente Luiz Carvalho.

Campeonato Brasileiro – 4ª rodada

Corinthians 0
Cássio; Fagner, Henrique, Manoel, Danilo Avelar; Ralf, Ramiro (Júnior Urso), Sornoza, Mateus Vital, Boselli (Vagner Love) e Clayson.
Técnico: Fábio Carille.

Grêmio 0
Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann, Juninho Capixaba; Michel, Matheus Henrique, Montoya (Thaciano), Luan (Pepê), Everton; André (Felipe Vizeu).
Técnico: Renato Portaluppi.

Gols: 
Cartões amarelos: Ramiro e Matheus Vital (C) e Kannemann (3º), Michel, Juninho Capixaba e Leonardo Gomes (G)
Cartões vermelhos: –

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (Fifa-RJ)
Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)
Árbitro de vídeo: Lucas Canetto Bellote (SP)
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Indivíduo estava escondido na casa de parentes em Tramandaí

As alíquotas não foram divulgadas pelo banco

Ao retornar do banheiro o jovem não encontrou mais o aparelho

Volume de chuva deve ser menor, mas ainda há risco de pancadas isoladas mais fortes