Giro do Vale / Bom Retiro do Sul / Polícia

Furto de lenha é registrado no interior de Bom Retiro

Vítima se deparou com um veículo onde estava sendo carregada a lenha de sua propriedade

Foto: Reprodução WhatsApp

Ao chegar em sua propriedade na localidade de Faxinal do Silva Jorge, na manhã desta sexta-feira, dia 8, a vítima se deparou com um caminhão, placa BRN-8559, atolado em meio a um mato de eucalipto, e abandonado no local. A vítima estacionou o seu trator atrás do veículo para ele não empreender fuga e saiu para procurar ajuda.

O dono das terras foi até a Brigada Militar que lhe acompanhou até a propriedade. O caminhão já estava fora da sua propriedade, pois seu trator foi deslocado por um outro trator e o veículo de carga, puxado para fora do atoleiro.

A vítima relata que não conhecia os acusados, os quais informaram que estariam pegando lenha para fazer um fogo, pois a filha de um deles estaria doente. Um suspeito tem 23 anos, e o outro, de 48 anos, ofereceu dinheiro à vítima pela lenha furtada, mas ele não aceitou e preferiu fazer o registro da ocorrência.

O proprietário das terras disse que há um mês já teve lenha furtada do local. Segundo seu relato, foram furtadas cerca de 40 varas de eucalipto, porém não havia suspeitos. Na mesma região também já ocorreram furtos de abigeato, furto com arrombamento de residência, deixando os moradores preocupados com a segurança.

A vítima registrou a ocorrência na Delegacia de Polícia do município. Ele ainda relata que um morador das redondezas, viu um veículo Prisma rondando a região. Não foi realizado o flagrante em virtude do Princípio da Insignificância, apesar do registro de Furto Qualificado.

Foram apreendidos um GM D40 branco, dois celulares e uma bateria de trator.

Giro do Vale

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Craque da Argentina teve uma parada respiratória e não resistiu

Jornalista foi âncora de telejornais da Rede Globo, como o Globo Esporte. No ano passado, sofreu um infarto

Resultados preliminares foram obtidos com voluntários 42 dias após a aplicação da primeira dose

Força Tática da Brigada Militar e Polícia Civil cumpriram mandado de busca e apreensão