Giro do Vale / Esporte / Inter

Inter leva sustos, mas vence o São Luiz por 4 a 3 em Ijuí

Colorado conquistou a terceira vitória consecutiva no Estadual

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

O Inter chegou a levar alguns sustos na noite desta quarta-feira. Saiu perdendo com 30 segundos de jogo, mas encontrou a virada ainda no primeiro tempo, e venceu o São Luiz pelo placar de 4 a 3, no estádio 19 de Outubro, em Ijuí. Com isso, encaminhou a classificação para as semifinais do primeiro turno do Campeonato Gaúcho.

O jogo foi movimentado, com sete gols. Aos 30 segundos, Michel abriu o placar. Ainda na etapa inicial, o Colorado virou com Galhardo, Moledo e D’Alessandro. Tássio descontou no segundo tempo para o São Luiz, mas Edenílson fez o quarto. No fim, Michel marcou de novo, mas não houve tempo para reação.

Com o resultado, o Inter chegou aos 9 pontos, e lidera o Grupo A do Estadual. Uma vitória na quarta rodada classifica matematicamente o time para a semifinal do primeiro turno. E o confronto é direto, contra o vice-líder da chave, que tem a mesma pontuação. O duelo acontece no sábado, às 19h, contra o Ypiranga, no Colosso da Lagoa, em Erechim.

Inter sofre gol-relâmpago, mas consegue virada

Para a partida, o técnico Coudet não teve o centroavante Paolo Guerrero, poupado para a sequência desgastante de jogos que o Inter terá nos próximos dias, incluindo o confronto contra o Universidad, em Santiago, no Chile. Mais uma vez, Musto, D’Alessandro e Thiago Galhardo começaram o jogo.

Logo aos 30 segundos de jogo, o São Luiz abriu o placar. O mais curioso é que foi o Inter quem deu a saída de bola. Após um erro, a bola foi recuperada pelo time do Noroeste do Estado, que conseguiu escanteio pela esquerda. O cruzamento encontrou Michel dentro da área, que cabeceou para marcar o gol relâmpago que abriu o placar.

Após o gol, o Inter apresentou dificuldades defensivas. Não conseguiu encontrar o ajuste de marcação logo no início e, com isso, cedeu chances ao São Luiz. Só nos 10 primeiros minutos, permitiu três finalizações, ainda que sem perigo.

A partir dos 15 minutos, o Inter passou a se acertar em campo. Voltou a ficar com a bola e conseguiu neutralizar o adversário, tocando no campo de ataque. A marcação pressão surtiu efeito aos 22 minutos, quando Thiago Galhardo roubou a bola. Ele partiu com ela dominada, avançou, limpou defensores, e invadiu a área. Finalizou forte, alto, sem chances para o goleiro Lúcio, empatando o jogo.

O São Luiz sentiu o gol, e passou a ser dominado pelo Inter. Não demorou muito para as ações ofensivas se transformarem na virada. Aos 39 minutos da primeira etapa, em cobrança de escanteio pelo lado esquerdo, Patrick escorou cruzamento no segundo pau para a pequena área. Moledo subiu mais que a zaga – e mais que Musto, com quem dividiu – para fazer 2 a 1.

Ainda antes do intervalo, o Inter começou a encaminhar a vitória. Aos 45 minutos, D’Alessandro foi derrubado por Maycon. Com categoria, o próprio argentino bateu, deslocando o goleiro com categoria para levar o Inter com 3 a 1 ao intervalo.

Mais gols na etapa final

O Inter voltou sem alterações para a etapa final. Mas a postura não mudou. E logo aos 6 minutos, voltou a criar boa chance de marcar, de novo em bola parada. Em cobrança de falta de D’Alessandro pelo lado direito, a bola alçada na área chegou até Thiago Galhardo. De costas, ele escorou forte para o gol, obrigando Lúcio a fazer uma ponte para espalmar a bola em escanteio.

No entanto, foi o São Luiz quem descontou. Aos 14 do segundo tempo, após jogada pela direita, Itaqui foi à linha de fundo e cruzou para Tássio. Com espaço entre a zaga, subiu mais que os defensores para fazer o segundo do time do Noroeste do Estado, incendiando o jogo novamente.

Um minuto após o gol, o São Luiz quase empatou com Michel. Insatisfeito com o comportamento do Inter, Coudet lançou a campo Marcos Guilherme no lugar de Patrick, que esteve apagado no jogo. Com gás renovado, foi ele quem construiu a jogada do quarto gol. Pela direita, cruzou rasteiro e obrigou Lúcio a cortar. A bola sobrou na entrada da área para Edenílson bater no canto direito para marcar 4 a 2.

Após o quarto gol, que encaminhou a vitória do Inter, o jogo caiu de produção. Coudet promoveu mais duas trocas, para dar ritmo ao time. Entraram os garotos Netto e Sarrafiore, para os lugares de Galhardo e D’Alessandro. Com os jovens em campo, ainda houve tempo para o Inter sofrer mais um. Aos 44, Michel voltou a marcar. No entanto, não houve tempo apra o empate, o Inter assegurou sua terceira vitória seguida no Gauchão.

Campeonato Gaúcho – 3ª rodada

São Luiz 3

Lúcio; Itaqui, João Marcus, Silvio e Samuel Balbino; Maycon, Tássio, Elias (Ariel) e Jean Carlo (Everton Junior); Lucas Carvalho e Michel. Técnico: Leandro Machado

Inter 4

Marcelo Lomba; Rodinei, Moledo, Cuesta e Moisés; Musto, Edenilson, Lindoso, Patrick (Marcos Guilherme) e D’Alessandro (Sarrafiore); Thiago Galhardo (Netto). Técnico: Eduardo Coudet

Gols: Michel (1/1T), (44/2T) e Tássio (14/2T); Galhardo (22/1T), Moledo (39/1T), D’Alessandro (45/1T) e Edenílson (19/2T)

Cartões amarelos: Silvio e Samuel (São Luiz)

Local: Estádio 19 de Outubro, em Ijuí (RS)

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Cerca de 40 pessoas estavam no evento realizado em uma propriedade no Faxinal do Silva Jorge

O sol predomina com amplos períodos de céu claro

Colorado não fez boa partida fora de casa e perdeu por 1 a 0

Bloqueio ocorre para a remoção de um caminhão, que caiu da ponte no Km 54