Giro do Vale / Polícia

Ronaldinho é flagrado com passaporte falso no Paraguai

Ex-jogador está sob custódia, no quarto de hotel em Lambaré, e deve prestar depoimento junto com o irmão, Assis, nesta quinta-feira

Foto Divulgação / Ministério Público do Paraguai

O ex-jogador Ronaldinho foi flagrado na noite desta quarta-feira, dia 4, com passaporte falso no Paraguai. Depois de jornais locais divulgarem o fato, o Ministério Público do Paraguai confirmou a informação. 

A suíte na qual o ex-atleta está hospedado, no Hotel Yacht e Golf Club, na cidade de Lambaré, próximo à Assunção, foi alvo de uma ação do Ministério Público juntamente com a polícia do país. Foram encontrados dois passaportes adulterados: um com o nome de Ronaldinho e outro atribuído ao seu irmão, Roberto de Assis Moreira. Eles estão sob custódia no quarto da hospedagem. Ambos devem prestar depoimento nesta quinta-feira (5).

“A suíte onde Ronaldinho está hospedado foi revistada. Vários documentos, C.I. e passaportes paraguaios com os nomes de Ronaldinho e seu irmão. Investigação em andamento”, confirmou no Twitter o Ministério Público paraguaio. 

O órgão também informou que Ronaldinho e Assis não foram detidos, e que “encontram-se em livre comunicação na suíte”. 

— Eles entraram com documentos adulterados. Não estão detidos, estão sob investigação judicial e terão que prestar depoimento. Aí se decidirá se serão detidos ou não. No momento, há um empresário brasileiro que está detido. De acordo com as declarações iniciais, ele foi o responsável pela adulteração — disse o ministro do Interior, Euclides Acevedo, ao portal do canal ESPN.

Ronaldinho chegou pela manhã ao país para participar de dois eventos e foi recebido com festa. No Aeroporto Silvio Pettirrossi, em Luque, região metropolitana de Assunção, Ronaldinho teve uma recepção animada, graças à presença de um grande número de fãs.

Policiais providenciaram um cerco para evitar a aproximação ao astro. Segundo o jornal ABC, o ex-camisa 10 da Seleção Brasileira faria parte do lançamento de um programa social, organizado pela Fundação Fraternidade Angelical, nesta quinta-feira, dia 5. No mesmo dia, Ronaldinho lançaria ao mercado paraguaio um livro que conta sua história. Os dois eventos acontecerão no salão de festas do Iate & Golf Club Paraguaio.

Em 2018, Ronaldinho e Assis tiveram seus passaportes apreendidos em decisão proferida pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS). A medida foi tomada após eles serem condenados, em 2015, por crime ambiental por causa de uma construção ilegal de um trapiche no Guaíba, em Porto Alegre, próximo à mansão do ex-atleta na zona sul. A área era considerada preservação permanente, e eles não tinham autorização para construir o píer.

GaúchaZH

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Encontro entre Eduardo Leite e representantes da Famurs também acena com apoio da Brigada Militar na fiscalização contra aglomerações

Estado recebeu 11 pedidos de reconsideração, mas somente dois foram aceitos

Decisão está publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira

Eleitores que não comprovarem motivo da ausência no período determinado ficam com título irregular e deverão pagar multa