Giro do Vale / Destaque / Geral

Justiça barra necessidade de CPF regularizado para receber auxílio de R$ 600

Decisão foi tomada a fim de evitar aglomerações em frente a agências bancárias, Correios e Receita Federal

Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil

O TRF1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região) decidiu nesta quarta-feira, dia 15, pela suspensão imediata, em todo o território nacional, da exigência de prévia regularização do CPF como condição para o repasse do auxílio emergencial de R$ 600 a trabalhadores formais, informais, autônomos e desempregados. A determinação atende a uma solicitação da Procuradoria-Geral do Estado do Pará.

Segundo o governo do Estado do Pará, a exigência de regularização do CPF ia contra as recomendações de prevenção e combate à pandemia do coronavírus e teria gerado inúmeros pontos de aglomeração na sede da Receita Federal e agências bancárias e dos correios.

De acordo com a deliberação do juiz federal Ilan Presser, tanto a Caixa Econômica Federal quanto a Receita Federal têm o prazo de até 48 horas para cumprir a decisão, sob pena de multa diária, no valor de R$ 5.000.

“O governo do Pará ajuizou a ação, em face da União, após constatarmos, por meio de monitoramentos realizados pela Secretaria de Segurança, que estes locais de aglomeração representavam risco iminente de proliferação do vírus covid-19 no Estado”, explicou o procurador-geral do Pará, Ricardo Sefer.

A ação ressalta também que a regularização do documento poderia ser feita após a concessão do benefício, sem prejuízos ao trabalho de segurança contra fraudes nas instituições.

Correio do Povo

Comentários

  1. cladia Kotz disse:

    Ola queria ver se eu tenho a direito de rese ber

Publicidade

Últimas Notícias

A USGS registrou, ainda, réplicas de 4 a 5 graus de magnitude na mesma região durante a noite

Ato simbólico no Hospital de Clínicas de Porto Alegre na noite desta segunda, dia 18, marcou início da campanha de imunização no RS

Voo com 341 mil doses da Coronavac aterrissou por volta das 22h10min em Porto Alegre nesta segunda-feira, dia 18

Fato ocorreu no Km 249 da rodovia, em Soledade