Giro do Vale / Destaque / Geral

Ciclone deixa mais de mil desalojados em pelo menos 16 cidades do RS

Município com mais pessoas fora de casa por danos às residências até o momento é Vacaria

Foto: Divulgação

Pelo menos 1.035 pessoas estão desalojadas em 16 cidades do Estado em razão dos estragos causados pelo ciclone-bomba que atingiu o RS entre a noite de terça-feira, dia 30, e a madrugada desta quarta-feira, dia 1º, segundo boletim divulgado pela Defesa Civil Estadual no início da manhã. O município com mais pessoas fora de casa por danos às residências é Vacaria, com 520, seguido de Capão Bonito, com 400.

A maior parte das cidades sofreu com vendaval e chuva forte. Em São Sebastião do Caí, o grande problema é o alagamento, em razão da cheia do Rio Caí. Às 3h, foi feita a remoção das famílias para o Ginásio Centro integrado Navegantes. No local, foi medida a temperatura de todos, mantido o afastamento de 3 metros e feita a entrega de máscara, em razão da pandemia de coronavírus.

O coordenador da Defesa Civil estadual, coronel Júlio César Rocha Lopes, informou que as equipes do órgão estão nas ruas desde a madrugada, auxiliando os atingidos, com distribuição de lonas e orientação.

Segundo Rocha Lopes, o epicentro do ciclone na manhã desta quarta é o Litoral Norte, Sul e parte da Região Metropolitana. A previsão repassada pela área técnica da Defesa Civil é de que o vento e a chuva diminuam após as 9h, restando somente a temperatura mais fria. 

Sobre ajuda neste momento, o coordenador lembrou que o Estado vive a pandemia de coronavírus e que o ideal é que as pessoas não se aglomerem:

— As pessoas ajudam ficando em casa. Se precisarmos de material em alguma comunidade, procuramos a prefeitura, que contata a população.

GaúchaZH

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Medida será tomada após 57 meses de vencimentos parcelados

Modelo de Distanciamento Controlado apresenta o pior momento da pandemia no Estado

Casa de Carnes e Mercado Junqueira já está aceitando encomendas de tortas, doces e salgados

Indivíduo tentou fugir e depois investiu com uma faca contra os policiais militares