Giro do Vale / Geral

Semana começa com sol e temperaturas altas no Estado

Bloqueio atmosférico garante clima de verão em pleno inverno

Foto: Divulgação

O veranico de julho deve continuar nesta semana. Segundo a Somar Meteorologia, os próximos dias devem ter temperaturas dignas de verão em pleno inverno, logo após frio bater recorde no Estado. É o resultado de um bloqueio atmosférico no Oceano Pacífico, que impede o avanço de novas frentes frias. 

— Às vezes, o frio pode ficar preso mais ao sul da América do Sul, devido a formação de bloqueios atmosféricos, o que deixa a Região Sul mais quente e seca do que o normal, como estamos vivendo agora — explica a meteorologista Fabiene Casamento, da Somar.

Ela ainda destaca que os “veranicos” já são um fenômeno esperado no país, uma vez que ocorrem com certa frequência nas regiões Sul e Sudeste.

— Quando essa situação (de altas temperaturas) persiste por quatro ou mais dias, com ausência de chuva, é chamada de veranico, além de atender a outros parâmetros, para o Rio Grande do Sul, como temperaturas máximas acima de 25°C e temperaturas mínimas acima dos 12°C. E ventos fracos e sem nebulosidade, céu aberto. 

Assim, os gaúchos podem esperar dias ensolarados, com poucas nuvens, e sensação de bastante calor. Os ventos, que sopram do quadrante norte, auxiliam a rápida elevação das temperaturas. 

A umidade, no entanto, presente nos últimos dias, deve cair consideravelmente a partir de segunda-feira. Nas regiões Noroeste, Centro e Oeste, a umidade relativa do ar pode ficar abaixo dos 30%, o que representa um risco à saúde. A recomendação é que a população esteja atenta à proteção solar e hidratação, nestes locais.

O tempo firme segue na terça e na quarta-feira, com a passagens de algumas nuvens altas no decorrer dos dias, mas sem chances de chuva ou grandes ventos. A expectativa é de nevoeiro ao amanhecer, principalmente no nordeste do RS, mas eles devem se dissipar ao longo da manhã, dando lugar ao sol e ao calor.

Apenas a partir da quinta-feira a chuva deve retornar ao Rio Grande do Sul e, junto a ela, temperaturas mais baixas, graças ao enfraquecimento do bloqueio atmosférico.

Somar

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Em Estrela o sinistro ocorreu no Bairro Pinheiros, e em Marques de Souza, em uma área às margens da BR-386

Teste do etilômetro acusou 0,49 miligramas de álcool por litro de ar expelido

Vítima estava amarrada no sofá da sala quando a polícia chegou em sua residência

Caso que ocorreu em Erechim, no Norte do Estado, é apurado pela Polícia Civil e pelo Ministério Público