Giro do Vale / Destaque / Geral

Vale do Taquari fica em bandeira vermelha de 4 a 10 de agosto

Recurso apresentado pela região, não modificou a classificação apresentada pelo Governo do Estado na sexta-feira, dia 31

Foto: Divulgação

O Governador Eduardo Leite divulgou a classificação definitiva da rodada do Distanciamento Controlado válido para o período de 4 a 10 de agosto, e a região de Lajeado, compreendida em sua maior parte pelos municípios do Vale do Taquari, irá ficar na bandeira vermelha, que aumenta as restrições no comparativo com a bandeira laranja onde estava nas últimas semanas.

A Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat) apresentou recurso no final de semana tentando fazer com que a região permanecesse na bandeira laranja, mas o Governo do Estado, não acatou o pedido da entidade que representa os municípios do Vale.

Com isso, aumentam as restrições em especial para o comércio no período em que os municípios deverão adotar a bandeira vermelha. Porém, dos 37 municípios que fazem parte da região de saúde, 16 podem adotar protocolos de bandeira laranja por não terem registrado óbitos ou hospitalizações nos 14 dias anteriores a divulgação da rodada. Se enquadram nesse perfil: Boqueirão do Leão, Canudos do Vale, Capitão, Colinas, Coqueiro Baixo, Dois Lajeados, Doutor Ricardo, Encantado, Ilópolis, Nova Bréscia, Putinga, Santa Clara do Sul, São Valentim do Sul, Sério, Travesseiro e Westfália.

Restrições

A bandeira vermelha representa restrições mais severas. Por exemplo, somente estabelecimentos que vendem itens essenciais podem estar abertos, mantendo 50% dos trabalhadores. Restaurantes e lancherias ficam proibidos de receber clientes no local, mas podem atender em sistema de tele-entrega, drive-thru e pegue e leve.

Nos shoppings, também fica permitido o acesso apenas a serviços essenciais, como farmácias, lavanderias e supermercados, que podem operar com apenas 25% dos funcionários.

Academias, missas e serviços religiosos, clubes sociais e esportivos (mesmo que com atendimento individual), e serviços de higiene pessoal, como cabeleireiro e barbeiro, por exemplo, passam a ser totalmente vedados. 

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Em um comunicado pelo Facebook Edmilson Busatto, que está de férias, anunciou que está internado na cidade de Sobral no Ceará

Instabilidade mais forte deve atingir a Metade Oeste do Estado

Medida será tomada após 57 meses de vencimentos parcelados

Modelo de Distanciamento Controlado apresenta o pior momento da pandemia no Estado