Giro do Vale / Geral

Formação de ciclone traz ventos fortes ao RS nesta quarta-feira

Ar quente eleva as temperaturas no Estado, com máximas na casa dos 30°C em muitas cidades

Foto: Divulgação

A formação de um ciclone no Rio da Prata traz ventos fortes, com presença de ar quente e seco no Rio Grande do Sul nesta quarta-feira, dia 2. Assim, a nebulosidade diminui e o sol aparece na maioria das áreas. Há registro de nuvens em parte da fronteira com o Uruguai e no Sul do Estado.

De acordo com a MetSul Meteorologia, as rajadas de vento mais fortes devem se concentrar no quadrante Norte, na área de Santa Maria e nos Vales. A temperatura se eleva e deve fazer calor em diversas cidades. 

Impactos da ventania

Porto Alegre e outras cidades tiveram já na segunda-feira rajadas de vento acima de 60 km/h, sem qualquer relação com ciclone, efeito de diferenças de temperatura e pressão no Rio Grande do Sul.

O impacto dos ventos ciclônicos, que por horas sopram com rajadas fortes, será mais sentido no Uruguai em departamentos do Sul e do Leste do país. Aqui, o Litoral Sul pode ter rajadas mais fortes. Um efeito indireto será vento forte do quadrante Norte. Quando ciclone se aprofunda no Prata, o sistema induz a formação de corrente de jato em baixos níveos da atmosfera. É como um corredor de vento a cerca de 1.500 metros de altitude da Bolívia até o Rio Grande do Sul, trazendo ar seco e quente, e no caso de hoje também fumaça de queimadas no Paraguai e no Centro-Oeste.

Merece atenção que uma frente fria ao avançar até quinta pelo Estado encontrará este corrente de vento divergente na frente, o que pode gerar vento forte na sua passagem e episódios isolados severos de ventania com danos.

MetSul

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Protocolos de risco médio têm vigência de 29 de setembro a 05 de outubro

Metade Sul pode ter chuva ao longo do dia

Ela relata que seu veículo foi tocado por um carro que fugiu do local

Serão beneficiados 4 milhões nascidos em setembro, com a 1ª à 5ª parcela de R$ 600, e outro 1,6 milhão do Bolsa Família, com NIS final 7, receberá a de R$ 300