Giro do Vale / Esporte / Inter

Galhardo decide, Inter vence e segue líder isolado

Artilheiro do campeonato marcou duas vezes e Colorado venceu por 2 a 0 o Ceará

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Com Thiago Galhardo decisivo mais uma vez, o Inter venceu por 2 a 0 o Ceará no estádio Beira-Rio, pela 9ª rodada do Brasileirão nesta quinta-feira. Desta forma, se mantém isolado na liderança do campeonato com 20 pontos. Na próxima rodada, o Colorado enfrenta o Goiás, no domingo, às 18h em Goiânia.

Artilheiro do campeonato, Galhardo marcou aos 44 minutos do primeiro tempo, após bela jogada de Edenilson numa atuação, até ali, de pouco brilho da equipe colorada. Com o coletivo melhorando no retorno do intervalo, Galhardo voltou a balançar as redes aos 31 minutos, se aproveitando de vacilo da defesa do Ceará. Com os gols, o atacante se isolou na artilharia com oito tentos em nove jogos.

Inter tem dificuldades para criar

Ao contrário de outras partidas, o Inter de Coudet teve bastante dificuldade para pressionar e infiltrar na defesa do Ceará ao longo de toda a primeira etapa. Aliás, foi a equipe cearense quem quase marcou aos nove minutos com Cléber. Moisés errou o passe na saída, o atacante ficou com a bola e finalizou, mas Cuesta tirou em cima da linha. 

Logo aos 15 minutos, o treinador precisou promover a primeira alteração na equipe. João Peglow, lesionado teve de deixar o campo, com muitas dores no joelho, para entrar Sarrafiore. 

Aos 10 minutos, foi a vez de Vina levar perigo ao gol do Inter em finalização pela esquerda. E o domínio cearense foi a tônica da partida até os 25 minutos. Sempre quando tinha a bola, o Ceará buscava alguma alternativa no ataque.

Aos 21 minutos, foi a vez de Fernando Sobral buscar Cléber na área, que finalizou para fora. Até os 32 minutos, o Inter não finalizou nenhuma bola no gol e não conseguia criar chances de perigo. Aos 34, a primeira chegada, mas sem perigo em cabeçada de Thiago Galhardo. Aos 38, Sarrafiore recebeu na entrada da área e chutou forte. Fernando Prass deu rebote e Nonato, que chutou de esquerda, errou aquele seria o primeiro gol do Colorado na partida. 

Aos 43 minutos, o Inter abriu o placar. Edenilson fez bela jogada pela direita e cruzou com perfeição para o artilheiro do campeonato só desviar: Thiago Galhardo fez 1 a 0, colocando o Inter na frente.

Inter melhora e Galhardo decide de novo

No começo da segunda etapa, o Inter melhorou no jogo. E logo aos oito minutos levou perigo ao gol cearense. Edenilson soltou a bomba e Fernando Prass espalmou. Aos 10, Galhardo recebeu de Moisés pela esquerda e concluiu pelo lado de fora do gol. 

Com um Inter mais “interessado”, o Ceará encontrou bastante dificuldades para contragolpear. Aos 15 minutos, porém, Matheus Gonçalves recebeu livre, mas isolou a finalização.

Aos 17 minutos, Coudet promoveu duas trocas: Sarrafiore, que tinha entrado no primeiro tempo, saiu para a entrada e Abel Hernandez, e Nonato deu lugar a Patrick. O Inter seguiu em cima do Ceará e, aos 24 minutos, Boschilia chutou de fora da área, obrigando Prass a fazer uma bela defesa. 

Aos 33 minutos, um vacilo defensivo cearense e o brilho de Galhardo. Boschilia pressionou a marcação, a zaga do Ceará errou e Thiago Galhardo ficou com a bola. Aí foi só driblar o goleiro com categoria e marcar seu oitavo gol no Brasileirão.

Depois do segundo gol, o Ceará naturalmente desanimou e o Inter administrou o resultado. Aos 39 minutos, Coudet colocou D’Alessandro e Moledo em campo, tirando Galhardo, craque do jogo, e Boschilia. Aos 42 minutos, após boa trama do ataque colorado, a bola sobrou para Patrick. Era o terceiro gol, mas o meia chutou no meio da meta e Prass, mais uma vez, salvou o Vozão de um placar ainda mais dilatado. 

Campeonato Brasileiro – 9ª rodada 

Inter 2
Lomba; Saravia, Zé Gabriel, Cuesta e Moisés; Johnny, Edenílson, Boschilia (Moledo) e Nonato (Patrick); Peglow (Sarrafiore) (Hernández) e Galhardo (D’Alessandro). Técnico: Eduardo Coudet.

Ceará 0
Fernando Prass; Eduardo, Tiago, Gabriel e Alyson; Charles, William Oliveira (Lima), Vina (Rick), Fernando Sobral (Ricardinho) e Mateus Gonçalves (Baxola); Cléber (Sóbis).
Técnico: Guto Ferreira

Gols: Thiago Galhardo (44/1T e 31/2T)
Cartões amarelos: Alyson e William Oliveira (Ceará)
Árbitro: Célio Amorim (SC)
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

São 3,5 milhões nascidos em novembro com direito ao depósito da 1ª à 5ª parcela de R$ 600 e da extra de R$ 300, além do grupo do Bolsa Família

Frente fria empurra massa de ar frio que deve provocar queda na temperatura no Estado

Com mudança de ponto facultativo, unidades não abrem na sexta-feira

Serão beneficiados 3,6 milhões nascidos em outubro, além do grupo do Bolsa Família, com final 8 do NIS, que recebe a parcela extra de R$ 300