Giro do Vale / Esporte / Inter

Inter supera expulsão e empata com América de Cali, mas adia avanço na Libertadores

Cartão vermelho de Leandro Fernández comprometeu atuação da equipe de Eduardo Coudet, que ficou no 0 a 0 na Colômbia

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

O Inter poderia sair da Colômbia classificado na noite desta terça-feira. No entanto, viu um cartão vermelho comprometer a atuação e chegou a ser pressionado. Sofreu com bola na trave e, ainda assim, segurou o 0 a 0 com o América de Cáli. Apesar disso, adiou a classificação para as oitavas de final. No entanto, ainda joga por um empate para ir à próxima fase da competição. De quebra, o resultado garantiu matematicamente a classificação do Grêmio no Grupo E, que mais cedo bateu a Católica por 2 a 0.

Algumas das melhores oportunidades foram criadas no segundo tempo. Após a expulsão de Leandro Fernández, no início do segundo tempo, o América de Cáli chegou a pressionar, mas não chegou ao gol, e o empate acabou sendo positivo para o Inter.

Com o resultado, no entanto, o Inter adia classificação às oitavas de final, e decide tudo fora de casa. O jogo válido pela sexta e última rodada do grupo E da Libertadores é diante da Universidad Católica, no dia 22 de outubro. Já pelo Brasileirão, o próximo compromisso é no sábado, às 17h, no clássico Gre-Nal 427, na Arena. 

Primeiro tempo amarrado do Inter

Por conta dos desfalques, o técnico Eduardo Coudet promoveu algumas modificações. A zaga voltou a ser formada por Rodrigo Moledo e Cuesta. No meio, mais uma vez o treinador optou por Praxedes, Boschilia ficou no banco.

O jogo começou equilibrado, mas a primeira finalização perigosa foi do América de Cali. Aos 11 minutos, os donos da casa aproveitaram erro na saída de bola pela lateral esquerda, justamente com o estreante Léo Borges, de 19 anos. Batalla recuperou, e acionou Sierra, que finalizou para defesa segura de Marcelo Lomba.

Um minuto depois, prejuízo para o Inter. Saravia sentiu e o contestado Heitor, que não teve boa atuação no clássico Gre-Nal, precisou ser acionado por Coudet.

O jogo foi de poucas emoções no primeiro tempo. Se por um lado o Inter não correu grandes riscos, também não apresentou grandes alternativas ofensivas. Sem Boschilia, tornou-se um time mais burocrático, com poucas alternativas com Praxedes.

A chuva também atrapalhou. A partir da metade da primeira etapa, um forte temporal atingiu Cáli, e o campo pesado contribuiu para que a partida fosse ao intervalo em 0 a 0.  

Leandro Fernández é expulso e compromete

Para tentar modificar o cenário de apenas uma finalização no primeiro tempo, o técnico Coudet fez uma troca no intervalo. Sacou Praxedes, que mais uma vez teve oportunidade, mas ainda assim apresentou atuação discreta. No lugar dele, entrou Boschilia, que vinha iniciando as partidas entre os titulares. 

Mas aos 15 minutos, o Inter sofreu um duro baque. Quando parecia melhorar no jogo graças à alternativa ofensiva acrescentada por Boschilia, a expulsão infantil de Leandro Fernández comprometeu. Atingiu Torres com uma cotovelada com o jogo parado, em uma falta em favor do América de Cali. O árbitro flagrou e expulsou direto o atacante colorado, que com bola rolando pouco ofereceu ao time.

A partir da expulsão, se sobressaiu ainda mais a atuação de Rodrigo Moledo. O defensor seguiu ganhando todas e contribuindo demais para a solidez defensiva do Inter na partida, colocando ainda mais em dúvida a opção de Coudet por outros defensores. Para recompor o sistema, Coudet optou pela entrada de Musto no lugar do apagado Nonato.

Aos 34 minutos, o Inter escapou de tomar o gol. Santiago Moreno, que entrou bem na segunda etapa, foi acionado em profundidade pela direita. Ele invadiu a área, finalizou forte, mas o chute acabou esbarrando no desvio de Rodrigo Moledo. A bola subiu e bateu no travessão, evitando o que seria o 1 a 0 dos mandantes. 

A partir daí, o Inter parecia fadado a segurar o empate. Escapou do momento de maior pressão e conseguiu resistir às poucas investidas que o América ainda tentou. Assim, a equipe de Eduardo Coudet trouxe um empate em 0 a 0 para Porto Alegre, podendo jogar por novo resultado igual para avançar às oitavas da Libertadores. 

Libertadores da América – 5ª rodada do grupo E 

América de Cali 0 

Graterol; Ureña, Torres, Segovia e Velasco; Paz (Jaramillo), Carrascal, Sierra, Batalla (Moreno) e Arias (Cabrera); Ramos. Técnico: 

Inter 0

Lomba; Saravia (Heitor), Moledo, Cuesta e Leo Borges; Lindoso, Nonato (Musto), Praxedes (Boschilia) e Patrick; Thiago Galhardo (Abel Hernández) e Leandro Fernández. Técnico: Eduardo Coudet 

Cartões amarelos: Velasco e Paz (América); Leandro Fernández e Rodrigo Moledo (Inter)

Cartões vermelhos: Leandro Fernández (Inter)

Árbitro: Guilhermo Guerrero (EQU)

Local: Estádio Pascual Guerrero, em Cáli (COL)

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Criança se engasgou durante a amamentação

Dezoito áreas do Estado estão com a bandeira laranja na 24ª rodada do Distanciamento Controlado

Quatro milhões nascidos em outubro poderão sacar da 1ª à 5ª parcela de R$ 600 e 1,6 milhão do Bolsa Família, a parcela de R$ 300

No Vale do Taquari a temperatura varia entre 19ºC e 34ºC