Giro do Vale / Política

Oposição vai pedir impeachment de Bolsonaro por interferência nas Forças Armadas

Parlamentares avaliam que há uma tentativa do chefe do Executivo de se apropriar indevidamente das forças militares

Foto: Divulgação

Lideranças de oposição ao governo federal no Congresso anunciaram que entrarão nesta quarta-feira, dia 31, com um pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) por avaliarem que há uma tentativa do chefe do Executivo de se apropriar indevidamente das forças militares para interesses pessoais.

Segundo os parlamentares, os episódios que culminaram nas saídas do ex-ministro da Defesa Fernando de Azevedo e Silva e dos comandantes do Exército, general Edson Pujol, da Marinha, almirante Ilques Barbosa Júnior, e da Aeronáutica, brigadeiro Antonio Carlos Moretti Bermudez, representam uma ameaça “evidente” à democracia.

Azevedo e Silva pediu demissão por se recusar a promover alinhamento automático e apoio político das Forças Armadas ao presidente. Seu substituto à frente da Pasta, general Walter Braga Netto, demitiu os comandantes das armas por ver neles a mesma resistência.

Em nota sobre a denúncia contra Bolsonaro, as lideranças apontam para o trecho da Lei de Impeachment que estabelece crimes de responsabilidade contra o livre exercício dos direitos políticos, individuais e sociais, como “servir-se das autoridades sob sua subordinação imediata para praticar abuso do poder, ou tolerar que essas autoridades o pratiquem sem repressão sua” e “incitar militares à desobediência à lei ou infração à disciplina”.

O pedido de impeachment será entregue na Câmara dos Deputados nesta quarta-feira às 11h, pelos líderes da minoria e da oposição no Senado e na Câmara, respectivamente Jean Paul Prates (PT-RN), Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Marcelo Freixo (Psol-RJ) e Alessandro Molon (PSB-RJ), além do líder da minoria no Congresso, Arlindo Chinaglia (PT-SP).

Correio do Povo

Comentários

  1. Tânia maria de Moraes disse:

    Acho mais que justo a torta dosilitates tomar a frente da situação .já era pra ter feito isso . antes de tanta gente morrer.e ainda tem muitos que estão entubados .Deus toma conta de nosso presidente e de nós .fim ditadura nunca mais .choro.choro

Publicidade

Últimas Notícias

Homem que foi flagrado conduzindo o veículo, acabou preso por receptação

Dia começa muito frio e com as menores marcas do ano até agora em vários municípios

Familiares anunciaram nas redes sociais que ele foi localizado e está bem

Mulher de 72 anos que faleceu no dia 5 de maio teve causa da morte confirmada pelo Estado