Giro do Vale / Destaque / Geral

Bebê sobrevivente do ataque a creche em Santa Catarina, deixa a UTI

Os corpos das três crianças e duas professoras mortas durante a invasão a creche, foram enterrados nesta quarta-feira, dia 5

Foto: Divulgação

O pequeno Henrique Hubler, de um ano e oito meses, é o bebê sobrevivente da tragédia em Saudades. Na quarta-feira, dia 5, segundo boletim emitido pelo Hospital Regional do Oeste, ele saiu da Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Ainda segundo a nota, o bebê foi transferido para o Hospital da Criança, estável, em recuperação. Em atualização emitida às 08h, desta quinta-feira, dia 6, não foi informado novidades. O bebê está bem e se recupera.

Já o jovem, de 18 anos, indicado pela polícia como o autor do crime, segue sedado, internado na UTI, em recuperação pós-operatório.

Vítimas enterradas

Os corpos das três crianças e duas professoras mortas durante a invasão a creche, foram enterrados no Cemitério Municipal de Saudades, em Santa Catarina, nesta quarta-feira, dia 5. O sepultamento das vítimas arrastou uma multidão na pequena cidade de 10 mil habitantes. O enterro aconteceu após uma cerimônia religiosa. O velório coletivo das vítimas do ataque à escola infantil Aquarela que ocorreu no mesmo dia, em um ginásio na cidade catarinense.

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Corpo que estava em avançado estado de decomposição, foi encontrado por um pescador.

Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou relatos de falta do imunizante em prefeituras gaúchas

No Vale do Taquari, a mínima será de 13°C e a máxima chega aos 32°C

Sexta oportunidade de deixar o Z4 foi desperdiçada com derrota por 2 a 0, em jogo com pênalti e expulsão do zagueiro Paulo Miranda