Giro do Vale / Esporte / Inter

Inter fica só no empate com o Novo Hamburgo, no Beira-Rio

Torcedor colorado manifestou sua insatisfação com a atuação da equipe no 1 a 1

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Longe de encantar e no começo de um novo trabalho, o Inter só empatou com o Novo Hamburgo, em 1 a 1, na noite desta quarta-feira, no Estádio Beira-Rio. Em seu quinto jogo, o técnico uruguaio Alexander Medina ouviu suas primeiras vaias de um insatisfeito torcedor nas arquibancadas do Gigante. Os laterais Moisés e Heitor foram os mais visados nas reclamações. 

Bem postado, o Noia criou dificuldades ao time colorado desde o primeiro minuto e viu os donos da casa pouco inspirados ofensivamente e coletivamente. Na segunda etapa, o meia Michel Renner abriu o placar aos 9 minutos. Em golaço, aos 20, Taison igualou o marcador, num lance de brilho individual para evitar vexame dos donos da casa. 

O resultado deixa o Inter na 4ª colocação, com oito pontos. Já são três jogos sem vencer na temporada. Na próxima rodada, o adversário será o Caxias, no estádio Centenário. 

Time colorado não rende

O primeiro tempo do Inter não foi bom no Beira-Rio. Ainda que com mais posse, o Colorado não teve entrosamento ofensivo para criar chances e o organizado Novo Hamburgo, dono da melhor defesa do estadual, controlou o jogo à sua maneira. Nos primeiros minutos, o Noia até teve chance para abrir o placar. O ponta Nagib recebeu nas costas da marcação e finalizou fraco nas mãos do goleiro Daniel. 

A postura ofensiva dos visitantes durou seis minutos. A partir daí, o time do interino Ben-Hur Pereira passou a marcar o Inter atrás da linha da bola. A equipe de Medina teve dificuldades para acertar lances coletivos. Taison e Edenilson até tentaram com individualidades, mas esbarram na competência defensiva. 

Na base da qualidade de seus meias, as chances surgiram. Em erro na saída, Taison pifou o atacante David, que recolheu para a esquerda e obrigou o goleiro Lucas a fazer firme defesa. Nos minutos finais, o Novo Hamburgo se lançou ao ataque e em lance bastante confuso, perdeu de abrir o placar. O habilidoso meia Bustamante segurou demais e não finalizou, já dentro da área. A bola sobrou para o atacante Alemão, que também chutou mascado. No fim, placar fechado e equipes no vestiário. 

Taison evita o pior

Para a segunda etapa, Medina colocou o meia Boschilia na vaga de Liziero. Apesar da troca, quem realmente brilhou no começo foi o Novo Hamburgo. Na sua característica, o Noia abriu o placar. Aos 9, Higor cruzou bem da esquerda e Michel Renner bateu cruzado para anotar 1 a 0. O torcedor colorado subiu o tom nas vaias com a desvantagem. 

O time sentiu o gol e as vaias. Especialmente nas laterais, Moisés e Heitor foram os escolhidos das arquibancadas. Entretanto, no talento individual, o empate apareceu. Aos 21, Boschilia levou bem a marcação e rolou para o meia Taison soltar a bomba no ângulo e fazer um golaço. 

Com a igualdade, o Inter passou a controlar o jogo. Os visitantes cansaram também e nem as mudanças de Ben-Hur Pereira alteraram o fôlego do Noia. Talhado para contragolpear, o Novo Hamburgo ainda assustou. Alemão recebeu, limpou Cuesta na entrada da área e obrigou defesa de dois tempos de Daniel. Medina promoveu mais uma troca. O lateral Heitor, que entrou na vaga do lesionado Mercado minutos antes do começo de jogo, deixou o campo para a entrada de Mauricio. 

Aos 34, novamente Taison assustou o gol de Lucas. Ele deu bom toque de dentro da área, tentando encobrir e a bola passou perto. O treinador colorado promoveu as entradas de D’Alessandro e Caio Vidal, nas vagas de Edenilson e David, que já fazia a lateral improvisado.

D’Ale e Taison voltaram a atuar juntos depois de 12 anos no Beira-Rio. O ídolo ainda obrigou o goleiro Lucas a fazer díficil defesa em cobrança de falta. Entretanto, o reencontro não bastou para a equipe do Inter virar o jogo e o empate se consolidou até o final. As vaias aumentaram ao fim da partida, as primeiras de 2022. 

Campeonato Gaúcho – 5ª rodada 

Inter 1

Daniel; Heitor (Mauricio), Cuesta, Bruno Méndez e Moisés; Rodrigo Dourado e Edenilson (D’Alessandro); David (Caio Vidal), Taison e Liziero (Boschilia); Wesley Moraes. Técnico: Alexander Medina.

Novo Hamburgo 1 

Lucas Maticoli; Léo, Micael, Islan e Higor; Kaio César (Jefinho), Felipe Guedes e Bustamante (Edinei); Michel Renner (Júnior Timbò), Alemão (Da Silva) e Nagib (Welton Heleno). Técnico: Ben-Hur Pereira (interino).

Gols: Michel Renner (09min/2°T) Taison (20min/2°T)
Cartões amarelos: Liziero, D’Alessandro e Taison (Inter) Kaio (Novo Hamburgo)
Arbitragem: Erico Andrade de Carvalho, auxiliado por Mauricio Coelho Silva Penna e Fagner Bueno Cortes. 
Local: Estádio Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data: 21h30min, na Quarta-feira, 9 de fevereiro de 2022. 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Cerca de 155 agentes cumpriram 30 mandados judiciais em 12 cidades gaúchas, tendo como alvos também a caça ilegal e o tráfico de armas

Com bastante nebulosidade e tempo instável, a temperatura varia pouco

Foi descartado qualquer tipo de sinal de violência no corpo da criança

Foi a quinta vez consecutiva que prêmio não teve seis acertadores