Giro do Vale / Bom Retiro do Sul / Polícia

Menor é detido após ser flagrado dirigindo sem CNH em Bom Retiro do Sul

Segundo a Brigada Militar, ele tentou fugir em alta velocidade e fazendo manobras perigosas

Foto: Divulação

Um menor, de 17 anos, foi detido pela Brigada Militar em Bom Retiro do Sul, após ser flagrado dirigindo sem CNH. O fato ocorreu por volta das 20h no bairro São Francisco.

De acordo com a Brigada Militar, ele conduzia um Ford Escort, com placas de Lajeado, quando por volta das 20h foi avistado transitando no bairro. Os policiais deram comando de abordagem, o que foi ignorado pelo condutor, que desobedeceu e tentou fugir fazendo manobras perigosas e colocando a vida de outras pessoas em risco.

Outro jovem que estava na carona do carro tentou fugir do local e foi contido, mas teria desferido socos e pontapés contra a guarnição, precisando ser algemado.

O jovem que conduzia o carro, se recusava a colocar a mão na cabeça e gritava que dali o carro não sairia. Que a polícia não podia entrar sem mandado. Diante do flagrante, os policiais tentaram algemá-lo, porém, de acordo com o registro, seu pai interviu e começou a fazer força com os policiais, com socos e puxões pela farda.

A guarnição se afastou e solicitou apoio de efetivos de Estrela, Paverama e da PRE de Teutônia. Com a chegada do reforço, os envolvidos foram encaminhados para exame de lesões, e em seguida foram conduzidos para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Lajeado, onde foi feito o registro, e em seguida eles foram liberados para responder em liberdade.

Comentários

  1. Claudinei de Castro disse:

    Mais o vídeo que está circulando no Facebook não corresponde com essa reportagem. Alguma coisa está acontecendo..porque o acidente do cemitério não foi feito nada ainda o que está acontecendo NÃO tem muita diferença ….o outro também colocou vidas em risco e não foi feito nada

Publicidade

Últimas Notícias

Proposta que dá maior autonomia a municípios está sendo debatida com deputados, prefeitos, setores econômicos e especialistas da área de saúde

Esta é a ação com maior número de mortes desde o início dos registros, em 2016

De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde, os imunizantes serão destinados para a primeira dose

Os corpos das três crianças e duas professoras mortas durante a invasão a creche, foram enterrados nesta quarta-feira, dia 5