Giro do Vale / Bom Retiro do Sul / Destaque / Meio Ambiente

Administração de Bom Retiro do Sul diz que não tinha conhecimento de despejo de lixo irregular

Se houver participação de servidor municipal no descarte do material irregular, será aberto processo de sindicância.

Foto: Divulgação / Bombeiros

Bombeiros combateram incêndio no local na última terça-feira, dia 7. (Foto: Divulgação / Bombeiros)

Na terça-feira, dia 7, o Corpo de Bombeiros de Estrela combateu chamas em um depósito de galhos de Bom Retiro do Sul. O incêndio ocorreu em uma área alugada pelo município onde deveria ocorrer apenas descarte desse tipo de material, porém foi constatado que lixo irregular estava sendo colocado naquele espaço, configurando crime ambiental.

Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale / Arquivo

Secretário Alex. (Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale / Arquivo)

O secretário de Obras Alessander Negreiros Fritscher afirmou através de comunicado enviado pela assessoria de imprensa da administração, que quando assumiu a pasta, já havia material irregular depositado na área alugada pelo município. Ele ainda relata que na sua gestão, não tinha conhecimento de que materiais proibidos estavam sendo deixados no local onde deveriam ser descartados apenas galhos.

Fritscher também ressalta que caso seja constatada a participação de qualquer servidor municipal nesta irregularidade, “será motivo de surpresa e indignação tanto para o secretário, como para os chefes do Executivo”. Não está descartada a instauração de um processo de sindicância para apurar as responsabilidades.

LEIA TAMBÉM
Crime ambiental é registrado em depósito de galhos da prefeitura de Bom Retiro do Sul

Confira a nota na íntegra

“O secretário de Obras de Bom Retiro do Sul, Alessander Negreiros Fritscher, diz que quando assumiu como secretário de Obras, no depósito da localidade do Cupido (área de propriedade particular alugada pelo Município) já haviam materiais irregulares. Diz também que, na sua gestão, não era de conhecimento do Governo que o depósito estava sendo usado para colocação de lixo irregular, visto que a Prefeitura tem contrato firmado com empresa que destina de forma correta cada tipo de lixo, que é de responsabilidade municipal.

De acordo com o biólogo Carlos Alexandre da Silveira, a empresa Ecopal é responsável pela coleta, transporte, triagem e destinação final dos resíduos sólidos e orgânicos domiciliares e comerciais do Município. Os demais lixos, como restos de construção, de acordo com o Código de Postura, são de compromisso de cada morador que deve se responsabilizar em dar a finalidade correta. Além disso, recentemente, o Governo de Bom Roetiro do Sul firmou uma parceria com a empresa MM Schneider Estofados, que faz o recolhimento de pneus no território municipal, gratuitamente. Já os lixos contaminados ficam a cargo da empresa Ecolog Serviços Ambientais.

Governo de Bom Retiro do Sul diz que nenhum funcionário está autorizado a colocar material irregular no depósito do Cupido. Caso algum funcionário tenha o feito na atual gestão, será motivo de surpresa e indignação, tanto para o secretário, quanto para os chefes do executivo. Além disso, havendo indícios de participação de servidor, o Governo afirma que não está descartada a possibilidade de instauração de processo de sindicância investigatória para apurar eventual responsabilidade.”

 

Giro do Vale

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Ao providenciar a retirada do carro do local, o proprietário verificou o furto do documentos e outros objetos pessoais.

Veículo estava trancado e não tinha sinais de arrombamento

Um trio fugiu para um matagal e um homem foi capturado

Calendário de pagamento inicia nesta quarta e encerra dia 2 de janeiro